TUDO É UMA QUESTÃO DE EDUCAÇÃO…

 
Vida de pai (brasileiro) está, cada vez, mais difícil. Uma simples conversa, com um filho pequeno, pode gerar certa perplexidade.

O diálogo de João Pedro com seu filho, de 10 anos, pode servir como prova desse fosso entre as gerações.

– Que você vai ser quando crescer, filho?
– Presidente da República, pai.
– Puxa, filho, que legal. Mas por quê?
– Pra não precisar estudar.
– Não, filho, não é bem assim. Precisa estudar muito.
– Então quero ser vice-presidente.
– Vice, filho? Por que?
– Pra não precisar estudar. O José de Alencar também só foi até a quinta série primária. Já posso parar.
– Não é assim, filho. Ele trabalhou muito e aprendeu.
– Pai, todo mundo que se dá bem não estudou: o presidente, o vice, a Xuxa, o Kaká, o Zeca Pagodinho…
– É que eles têm um talento…
– Ah, entendi, estudar é para quem não tem talento?
– Não, filho, pelo amor de Deus. Artista é diferente.
– O presidente e o vice não são artistas.
– Não, quer dizer, o presidente, de certo modo, até é.
– Se eu estudar, vou ganhar mais do que o Kaká?
– Menos.
– Ah, é? Então quero ir já para a escolinha.
– Você já está numa boa escola, filho.
– Quero ir pra escolinha de futebol.
– Não, filho, você precisa estudar muito. A escola abre caminhos para as pessoas. Pode-se viver dignamente. Filho, você precisa ter bons valores. Pense numa profissão, numa coisa honesta e que seja respeitada. Não quer ser médico, dentista ou, sei lá, engenheiro?
– Não. De jeito nenhum. Tô fora, pai!
– Mas por que, filho?
– Eles nunca vão ao Faustão.
– Isso não tem importância, filho. Que tal bombeiro?
– Vou querer ser astronauta ou jornalista.
– Hummm… Jornalista? Por que mesmo, filho?
– Não precisa mais ter diploma pra ser jornalista.
Mas… Pensando melhor, acho que vou ser corrupto.

– Meu Deus, filho, não diga isso nem de brincadeira!
– Na TV disseram que ninguém se dá mal por causa da corrupção e que tudo sempre termina em pizza. Adoro pizza. Quando for corrupto, pedirei só de quatro queijos.
– Ser corrupto é muito feio, meu filho.
– Ué, pai, se é feio assim, por que Brasília está cheia deles e quase todos conseguem ser reeleitos?
– É complicado de explicar, filho. Mas isso vai mudar.
– Quero ser corrupto e praticar nepotismo.
– Cale a boca, filho, de onde tira essas barbaridades?
– É só olhar a televisão, pai. O Sarney pratica nepotismo e é presidente do Senado. Ninguém pode mexer com ele.
– Mas você sabe o que é nepotismo, filho?
– Sei. É empregar os parentes da gente.
– E você quer fazer isso?

– Claro. Assim, ia acabar com os vagabundos da família.
Se eu te arrumar um emprego, você deixa?

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: